sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Programa brasileiro dispara alarme para anomalias na rede

Com mais de 60 milhões de usuários, a internet brasileira é considerada atualmente a quinta maior do mundo em número de conexões.

Isso pressupõe um tráfego intenso de dados que, em determinados momentos, são responsáveis por causar desvios súbitos e acentuados no comportamento das redes, conhecidos como anomalias.

Exemplos comuns disso são os bugs em softwares, o uso abusivo dos recursos computacionais, as falhas nos equipamentos, as configurações erradas e, ainda, os ataques feitos por hackers. Esses acontecimentos fizeram surgir a expressão "caiu a rede".

Para contra-atacar todo esse conjunto de problemas potenciais, o analista de sistemas Bruno Bogaz Zarpelão desenvolveu na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) um sistema computacional de detecção de anomalias.

Além de identificar de maneira mais simplificada a ocorrência, o software oferece ao administrador de rede um cenário completo do problema, facilitando a busca pela origem da anomalia e sua consequente solução no menor espaço de tempo possível.

Leia a matéria completa no site http://www.inovacaotecnologica.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens Recentes: