terça-feira, 22 de março de 2011

Visando Roraima e Amapá, Ministro de Comunicações anuncia mudanças no Plano de Banda Larga

O Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) passará por uma revisão a fim de abranger os estados do Amapá e de Roraima, anunciou o ministro de Comunicações, Paulo Bernardo. O ministro anunciou a decisão durante audiência pública realizada na Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado, na quarta-feira (16), segundo informa o site Convergência Digital.

O ministro afirmou que os estados não faziam parte do plano anteriormente por causa da "falta de opções técnicas". "Hoje, menos de um ano depois, já temos condições para isso. Queremos desenvolver mecanismos para diminuir as diferenças regionais", acrescentou o ministro

A Eletronorte usa uma linha de transmissão da Venezuela para abastecer Roraima e a rede de fibra óptica dessa linha será usada para levar banda larga a Região Norte, relata o Estado de S. Paulo. 

O Amapá negocia com a empresa Oi de telecomunicações. O governador do estado, Camilo Capiberibe (PSB), garantiu que até o final deste ano o serviço de conexão à internet por banda larga estará disponível. A expectativa do governador é obter, com o apoio do Ministério das Comunicações, auxílio financeiro do governo federal. "Queremos o apoio do governo federal para que isso não onere um estado que já tem tantas dificuldades quanto o nosso". A estimativa para instalação de fibras ópticas da Guiana Francesa até Macapá seria de R$ 28 milhões.

A intenção da revisão é de englobar todos os estados e oferecer acesso a internet de banda larga à população com menor poder aquisitivo.

O ministro Paulo Bernardo vai divulgar ainda nesta semana o Plano Geral de Outorgas de Radiodifusão Comunitário, por meio de nove avisos editais, nos quais constarão mudanças nas medidas de fiscalização (à cargo da Anatel) e cobrança de multas por infrações.
Fonte: Redação Portal IMPRENSA, http://portalimprensa.uol.com.br/portal/ultimas_noticias/2011/03/17/imprensa41110.shtml
Temos como intuito postar notícias relevantes que foram divulgadas pela mídia e são de interesse do curso abordado neste blog. E por isso esta matéria foi retirada na íntegra da fonte acima citada, portanto, pertencem a ela todos os créditos autorais.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens Recentes: